Após ser acusada de ter furado a fila para votar nas eleições deste domingo, Xuxa Meneghel usou as redes sociais para se justificar, e afirmou ter pedido para uma seguidora antiga guardar o seu lugar na fila “para não ter tumulto”. 

“Votei com muito orgulho. Mas pra não ter tumulto como sempre tem, pedi pra uma seguidora que conheço há 30 anos ficar na fila pra mim (bgda Nadia), assim não atrapalharia ninguém com algumas pessoas querendo tirar fotos comigo”, começou dizendo. 

“Pela primeira vez um grupinho com uma senhora sem noção nenhuma começou a gritar que eu tinha furado a fila (já que fui direto votar), mandei um beijinho pra ela e logo depois beijei meu ombro… que talvez não entendeu pois tá na cara que é uma pessoa com pouco entendimento intelectual”, continuou. 

 “Deixo claro que meu beijinho é uma forma de dizer “não te respondo pra não descer no teu nível e toma meu carinho” e o beijo no ombro é: “sinto muito que você não tenha ninguém quem goste de você, que te respeite como pessoa e possa ficar na fila por você”, continuou.

“Esclarecendo, desenhando pra essa senhora vestida com a camisa do Brasil: eu estou tranquila com meu voto, disse não pro símbolo da arma e sim pra um Brasil com menos ódio, preconceito, discriminação, racismo, homofobia e amor a natureza”, finalizou.  Bahia.ba