EC Vitória

Ele terminou a temporada passada entre os titulares e vai começar a atual da mesma forma. O Vitória contratou 14 reforços, mas o destaque da primeira quinzena de treinamentos é um prata da casa. O meia Eduardo está cheio de moral com o técnico Dado Cavalcanti. “No conjunto da ópera, eu posso destacar o Eduardo, que vem fazendo uma pré-temporada equilibrada em todos os aspectos, no físico, técnico e tático”, elogiou o comandante, após relutar em fazer pontuações individuais.

“Eu costumo não ser tão detalhista e muito menos individualizar elogio, até para não criar tanta expectativa do meio externo. Eu posso valorizar aqui alguns pela questão física, que já chegaram numa condição muito melhor do que outros, talvez se cuidaram um pouco melhor nas férias. Existe também a condição técnica individual dos atletas, que também traz alguma questão diferente uns dos outros”, explicou.

Abriu a exceção para falar do meia de 21 anos revelado nas categorias de base da Toca do Leão. O torcedor está acostumado a vê-lo no meio-campo, atuando como segundo homem ou principal referência da armação de jogadas. No entanto, na estreia do Campeonato Baiano, domingo (16), às 16h, contra a Juazeirense, os rubro-negros vão observar Eduardo cumprindo outro papel.

“Ele vem fazendo uma função um pouquinho diferente do que foi acostumado a fazer no ano passado e está tendo uma aceitação boa em relação a essa novidade pra ele, então, fica aqui um direcionamento pra um atleta”, pontuou Dado Cavalcanti. Nos treinamentos, Eduardo vem fazendo o papel de ponta pelo lado esquerdo. Foi inclusive assim que ele atuou no jogo-treino realizado contra a equipe sub-20, nesta quarta-feira (12), no Barradão. Ele formou o trio de ataque do sistema 4-3-3 com Guilherme Queiróz e Roberto.

A armação das jogadas ficou sob responsabilidade do veterano Jadson, 38 anos, principal contratação do Vitória para a temporada. Ele teve a companhia dos volantes João Pedro e Pablo na composição do meio-campo. A defesa foi composta por dois pratas da casa e três recém-contratados.

Destaque embaixo das traves no ano passado, o goleiro Lucas Arcanjo manteve a titularidade. A lateral direita ficou com Alemão. A zaga foi formada por Alisson Cassiano e Marco Antônio. Salomão ganhou a vaga na lateral esquerda. Esses foram os jogadores que iniciaram em campo no jogo-treino. Depois, apenas Marco Antônio, João Pedro, Alisson Cassiano e Eduardo seguiram no time. Os demais foram substituídos.

Sete jogadores não puderam participar do jogo-treino. David, Jeferson Renan, Alan Santos, Mateus Moraes, Dinei, Caíque e Carlos estão com covid-19 e isolados. Deles, David, Alan Santos e Mateus Moraes eram candidatos à titularidade. O Vitória enfrenta um surto da doença e, por isso, o jogo-treino foi disputado contra a equipe sub-20, que foi eliminada na primeira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior e retornou antes do previsto para Salvador. Inicialmente, o teste seria contra a Unirb, que também disputa a primeira divisão do estadual.

O sub-20 foi escalado com Cabral, Israel, Cauê, Edson e Patrício; José Breno, Hebert e Ruan Nascimento; Hítalo, Wanderson e Alisson Santos. Destes, Cabral, Ruan Nascimentos, Hitalo e Alisson Santos estão na lista de 30 jogadores que vão compor o elenco principal treinado por Dado Cavalcanti.

O time profissional venceu o jogo-treino por 4×0 com gols de Alisson Cassiano, Marco Antônio, Erik e Ronaldo, que faz parte da equipe sub-20, mas atuou no principal no segundo tempo. Até sexta-feira (14), o clube deve definir se ele será promovido. O elenco do Vitória terá mais três treinamentos antes da estreia no Campeonato Baiano.

“Os defeitos só vão acontecer de forma mais clara, mais nítida, no decorrer do jogo. Espero que a gente entre pra estreia mais bem preparados. O jogo-treino de hoje nos traz alguns indícios de erros que precisam ser corrigidos até domingo para que a gente possa estrear da uma forma mais segura possível. A minha expectativa é buscar um nível aceitável, porque a quantidade de dias que nós tivemos de preparação é insuficiente pra deixar a nossa equipe bem preparada”, afirmou Dado Cavalcanti. Correio da Bahia